Postado na Categoria:

6 mais impressionantes crateras do mundo

Olá pessoal!

Vamos falar de crateras hoje!
Tem um monte de crateras por ai, dos mais variados tipos, mas vamos falar aqui das mais impressionantes! Não só pela forma que foram construídas, mas também pela beleza, pelo misticismo ou só porque é bem legal!

Bora para a lista! Lembrando que as listas do blog não possuem numeração, é somente um selecionado sem ordem tá?

Aproveita e já CLICA AQUI e pede para abrir em outra janela nossa lista de lugares extremos do mundo, você vai curtir também!


Mina de Mir - Rússia


A Mina Mir está localizada na Sibéria e possui 525 metros de profundidade e 1200 metros de diâmetro!
Já conseguem imaginar mais de um KM de buraco? Já estou meio tonto!

Esta era uma mina de diamantes a céu aberto e hoje está desativada. Ela ficou ativa por 44 anos! O encerramento das atividades aconteceu no ano de 2001.


O mais impressionante é que este buração consegue sugar helicópteros! Por este motivo o tráfego aéreo na região é fechado.
Esta cratera é o segundo maior buraco escavado do mundo, perdendo somente para o cara abaixo



Mina do Cânion de Bingham - EUA


A mina de cobre, também chamada de mina de cobre de Kennecott, tem as "modestas" medidas:
Uma cratera de 4 km de largura e 1,200 m de profundidade, numa área de 7,7 km²

Conseguem imaginar a imensidão que é isso? Temos cidades por ai com esse tamanho!


Ela foi aberta em 1906 e continua ativa, com uma grande produção do minério de cobre, sendo por muitas vezes a mineradora que mais produziu cobre nos últimos anos. Está situada a sudoeste de Salt Lake City.

O legal é que a mina pode ser vista do espaço! (tipo a Muralha da China, sabe?).



Derweze ou Darvaza, a “Porta para o inferno” - Turcomenistão


Este é um lugar que não é grande em extensão, mas é bem legal e por isso está na lista!

Estamos falando da Porta do inferno, que fica em Derweze (que significa Porta... sugestivo não?) lá no Turcomenistão. Eu sinceramente não sei onde fica o Turcomenistão...


Enfim, o lugar é uma reserva de gás natural, e esta cratera se abriu em 1971 e queima até hoje!
Além de queimar durante tanto tempo, muito por causa da quantidade absurda de gás natural que há ali, exala um cheiro muito forte de enxofre. Diz-se que pode ser sentido à distância.

A cratera está localizada a cerca de 260km ao norte de Ashgabat.

O diâmetro é só de 70 metros, mas é bem bacana um buraco que não para de pegar fogo nunca, né?



Mina de Diamantes Diavik - Canadá


A mina Diavik está localizada em Yellowknife, uma região remota e desolada, dá para ver na foto né?
Particularmente, essa foi a cratera que mais me deu aflição. Eu já tenho medo de muita água assim, e ainda tem um buraco enorme! Imagina se você tá lá embaixo e a água começa a entrar? Eu morro antes de ficar molhado.

Esta mina de diamantes iniciou suas operações em 2003 e é particularmente interessante pois os diamantes estão abaixo do lago, o que faz com que barragens modernas e bem trabalhadas protejam a área de mineração!


O legal deste lugar é que ele tenta ser sustentável! Não sei bem como que isso pode funcionar em uma mina, que para mim sempre teve o conceito de "destruidor da natureza", mas para quem quiser se aprofundar no assunto, pode ser bacana!



Lago Bosumtwi - Gana


O lago Bosumtwi é um lago do Gana com mais de 10 km de diâmetro, grandinho né?

Entende-se que este lago é uma cratera de um meteorito, por este motivo ele está aqui nesta lista. Ele também é o único lago natural de Gana, acho que por isso levanta-se suspeitas sobre sua criação...


Para os Axântis, grupo étnico Ganês, o lago é considerado sagrado. Não consegui encontrar o motivo de ser considerado assim, quem sabe em um próximo post eu fale sobre o assunto!

Todo buraco que fica com água assim me dá calafrios...



Kimberley Big Hole - África do Sul


Acho que, mesmo sendo aqueles buracos cheios de água que me dão arrepios, esse é o mais bonito dessa lista!

O Big Hole (grande buraco) fica em Kimberley, na África do Sul e possui 17 hectares e tem 463 metros de largura.
Ele é o maior buraco (mas denovo? Calma, deixa eu explicar...) feito à mão do mundo. Ou seja, ele foi feito só com a galera escavando com ferramentas, sem máquinas e etc!
Esta façanha foi feita por cerca de 50 mil mineiros no período de 1866 a 1914.


O buracão foi escavado até 240 metros, depois disso colocaram entulho nele até ficar com 215 metros, e depois disso começou a acumular água, virando o que vocês veem ai na fotinha! A profundidade da água é de 175 metros.

A mina subterrânea que existe em Kimberley foi escavada até 1097 metros.


É isso! Esperamos que tenham gostado! Se quiser ajudar a gente a sermos um blog um pouquinho maior, compartilha nosso conteúdo, nos siga nas redes sociais e deixa seu comentário, sugira temas e converse conosco, vai ajudar demais!

Um abraço e até a próxima!